Como encontrar as melhores palavras chave para pesquisa: Ferramentas e Dicas



Quando se trata de aumentar o tráfego do seu site, a escolha da palavra chave certa é fundamental. Existem basicamente dois tipos: Cauda Curta (Short tail) e Cauda Longa (Long tail).


Pesquisar e usar as palavras-chave mais adequadas para o seu negócio é uma tarefa que não pode ser executada sem entender as diferenças entre as duas e como usá-las para aumentar o tráfego orgânico do seu site.


As palavras-chave Short Tail, também conhecidas por Head Tail, são amplas e normalmente contém um alto volume de busca. Isso significa que elas estão sendo pesquisadas por um grande número de pessoas e, por isso, sua concorrência é grande. Estar ranqueado nas primeiras posições nas pesquisas do Google será uma tarefa árdua para este tipo de palavra justamente pela alta concorrência.


As palavras chave do tipo Long Tail tem uma performance diferenciada, por serem mais especificas e por isso, aumentam o volume de buscas e prospects qualificados. A partir das palavras-chave long tail, você consegue atrair um público mais segmentado, o que acaba por gerar resultados melhores e taxas de rejeição menores. Estas palavras conseguem estar nas primeiras posições de pesquisa justamente por não terem um alto volume de buscas.


Muitas empresas ainda têm dificuldade para usá-las estrategicamente. A verdade é que lidar com palavras-chave de cauda longa parece difícil, mas, só parece. Quando você encontra a forma ideal de pesquisar e calibrar palavras chaves de acordo com o seu negócio, os resultados são impressionantes.


Veja a seguir algumas dicas que ajudarão você a descobrir novas palavras-chave que aumentarão o volume de tráfego de seu negócio.


Como Encontrar Novas Palavras-Chave


Comece utilizando a barra de pesquisa do Google e observe como ela preenche o campo com sugestões. O algoritmo desta ferramenta de pesquisa foi desenvolvido com base na intenção do usuário. Mas, use com bom senso, pois o que é sugerido não se baseia apenas na popularidade ou relevância, mas também é personalizado com base na experiência do usuário, isto é, você. Use este recurso para buscar ideias de palavras-chave e, de forma alguma, considere que é o suficiente para uma pesquisa abrangente de palavras-chave.


Com o resultado desta pesquisa inicial, você deverá utilizar outras ferramentas para afinar a sua busca rumo à palavra ou palavras ideais.


Abaixo veja algumas sugestões de ferramentas que auxiliam a encontrar a palavra chave para cada projeto:


1) Google AdWords

Google AdWords é uma boa opção também para campanhas de pesquisa paga. Nela você consegue configurar critérios de pesquisa baseados em seu produto/serviço, bem como em seus clientes-alvo.


2) Google Trends

O Google Trends é uma ferramenta ideal para analisar tendências de dados de pesquisa. Além disso, ela fornece visualizações que representam os dados de forma amigável e de fácil interpretação. Você consegue restringir também as informações que busca por região e local, tornando a sua pesquisa mais assertiva para o público e região que você quer atingir.


3) Infinite Suggest

Você irá precisar de uma lista bem diversificada para poder fazer a escolha da palavra-chave que mais se alinha com seu projeto ou negócio. E, esta é a ferramenta ideal para isso. Ela ajudará a gerar muitos termos, e cabe a você escolher os melhores. Às vezes, ter muitas opções acaba gerando um stress na hora de escolher, por isso, a dica é eliminar de imediato as palavras que não aparecem listadas nas outras ferramentas de pesquisa citadas acima. E caso você encontre alguma palavra chave que não esteja bem rankeada mas que você acha que seria a palavra certa para o seu projeto, utilize o Google Trends para fazer um comparativo com outras palavras sugeridas. Muitas vezes são tendências que não foram mapeadas pelas ferramentas de busca. 4) Wordtracker


A principal vantagem do Wordtracker é a de realizar pesquisas de palavras-chave em diversas plataformas. Além do Google, por exemplo, ele ajuda você a descobrir palavras chave de forma específica por plataforma, isto é, no YouTube e Amazon, analisando os dados que refletem o que está sendo mais utilizado em cada uma delas.


4) Keywordtool.io

O melhor do Keywordtool.io, é que ela inclui não apenas o Google.com, mas também todos os idiomas de pesquisa localizados do Google, bem como no YouTube, Bing e a App Store.


Durante a pesquisa de palavras-chave, certifique-se de excluir palavras-chave que você sabe que não podem ser relevantes para o seu site. Isso economizará tempo e dinheiro, além de criar uma experiência muito melhor para o usuário.


5) Keyword.io

Esta ferramenta é útil pois utiliza informações do Google Trends e relaciona as páginas que você precisa vencer para a palavra-chave em questão. A desvantagem é a de utilizar apenas os dados do Google como fonte de pesquisa.


6) Moz Keyword Explorer

Este é um bom exemplo de ferramenta de SEO, disponível gratuitamente, e que ajuda a descobrir e priorizar os termos de pesquisa mais apropriados para o seu negócio.



Como avaliar termos de pesquisa e palavras-chave


Você não só precisa explorar novas palavras-chave para o seu projeto, mas também precisa avaliar as palavras-chave do momento.


Existem 3 fatores a serem considerados para a escolha ideal dos termos e palavras-chave:

  • Quantidade de cliques extras;

  • Qual o retorno de investimento por subir posições nas buscas;

  • Páginas concorrentes.

Para saber sobre os cliques extras, você deverá utilizar o Search Console do Google (veja como fazer logo abaixo). Exporte as palavras-chave que está pesquisando e calcule suas médias de CTR.


Este processo visa prever o aumento de posições no rankeamento que a quantidade de cliques extras traria para uma determinada palavra-chave.


Comece definindo médias específicas para o seu site/projeto antes de trabalhar outros possíveis cenários de crescimento. Depois de saber quais são as médias para consultas de pesquisa, CTR e posição do seu site, você pode começar a projetar cenários de crescimento para cada palavra-chave (por exemplo, se subir da posição 12 para a posição 10, receberei 25 cliques extras com base nas médias de CTR do site?) .


Lembre-se que, o desempenho superior ou inferior de uma palavra-chave em comparação com a média de CTR do site, indicará a necessidade ou não de ajustar a expectativa de crescimento.


Veja como exportar palavras-chave para o Search Console:


1) Faça login no Search Console do Google, navegue até a página "Search Analytics" e selecione o intervalo de datas mais amplo disponível em seu site, normalmente 90 dias.


2) Selecione a região caso deseje uma análise mais objetiva.


3) É aconselhável filtrar termos de marca. Os termos de marca tendem a ter um CTR muito alto, não sendo indicado para o cálculo das médias.


4) Clique em "Baixar" e selecione CSV. O arquivo baixado conterá os seguintes itens de informação:

  • Consultas

  • Cliques

  • CTR

  • Posição

Agora você poderá calcular quais frases resultarão em mais cliques em relação às palavras-chave escolhidas.


2) Qual o retorno de investimento por subir na classificação?


Os dados recolhidos da exportação de palavras-chave podem ser trabalhados em conjunto com as informações financeiras da seu cliente/projeto, tais como o valor médio de uma conversão e a taxa de conversão média. Dessa forma, você consegue projetar o impacto final que as mudanças de classificação podem ter (por exemplo, se o valor de um pedido for 100 e a taxa de conversão for 8%, qual será o retorno adicional se obtiver 50 cliques extras ao subir no ranking do Google?).


3) Páginas concorrentes


Use ferramentas como Flow Metrics da Majestic ou o Page Authority da Moz para avaliar a força das páginas concorrentes. Elas também fornecem acesso à API, para automatizar sua pesquisa.


Além disso, você pode mapear as palavras-chave para seus URLs, adicionar pontuações de palavras-chave potenciais que levam a um URL, criando uma lista de páginas prioritárias.


Pesquise palavras-chave sempre!


Definir a estratégia para encontrar palavras-chave alinhadas com o seu projeto é fórmula para um retorno do investimento em marketing digital de longo prazo. Mesmo quando você não publica ativamente, o seu site continua recebendo visitas e gerando algum volume de tráfego.


Em resumo:

  • Coloque as palavras-chave em meta descrições, alt tags em imagens e H1s - use-as não só em campanhas de marketing mas na estratégia geral de conteúdo.

Para estar sempre visível no mundo virtual, isto é, bem ranqueado nas buscas, basta observar as dicas acima e os resultados certamente virão.


E, caso você prefira investir o seu tempo com outras atividades que mais gosta de fazer, a Projeto56 pode te ajudar a melhorar a exposição de sua marca na Internet.


Desenvolvemos um pacote personalizado de gestão, onde incluímos a criação e postagem periódica de anúncios de sua marca nas mídias sociais e no site ou blog. Tudo isso sem você ter que se preocupar em como ou quando fazer, e a um custo alinhado com o tamanho de sua necessidade.


Visite agora o site e conheça tudo que a Projeto56 poder fazer por você!



Política de divulgação As matérias e posts deste site são escritos com base em uma visão honesta e na minha experiência profissional. Eu apenas escrevo resenhas sobre serviços e produtos que eu pessoalmente uso, gosto ou confio. Apesar de listar os pontos negativos e positivos, me esforço para passar a informação mais objetiva possível. Acho que focar demais nos aspectos negativos podem levar à procrastinação e ter uma experiência negativa. Portanto, tenho como filosofia de vida pensar positivamente, e com isso, passar esse viés positivo para que você não seja negativamente influenciado e possa fazer o seu próprio juízo de valor. Se você fizer uma compra por meio dos links deste site, poderei receber uma pequena comissão. Projeto56 - Todos os direitos reservados 2021 #midiassociais #midiadigital #coaching #coachingonline #projeto56 #projeto56blog #affiliateprogram #remotework #trabalhoremoto #trabalhoonline #mentoring #mudeieagorablog #mudeieagora #mídiassociais #marketingdigital #SEO #keywords


Não deixe de acompanhar a newsletter da Projeto56, assim como o Blog. Lá você encontra essa e outras informações relacionadas às mídias socias e melhor gestão delas. Se tiver alguma dúvida, mande um email para info@projeto56.com





0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo